Captura de Tela 2015-09-22 às 23.58.10

Na Bagagem- Dicas de Amsterdam

Bom, quem já leu o nosso post anterior sobre a cidade, deve estar querendo saber mais detalhes sobre esse lugar que nos deixou tão apaixonados. Aqui vão algumas dicas e curiosidades sobre Amsterdam <3 

Onde comer?

A verdade é que Amsterdam não tem uma comida típica como diversas outras cidades de diferentes países. Em contrapartida, eles têm uma variedade enorme de opções de restaurentes. Como ficamos pouco tempo, e ficamos bem no centro da cidade, encontramos diversos restaurantes italianos, argentinos, irlandeses, franceses e etc.

Mas afinal, o que mais nos chamou atenção? Os doces!!! ????????????

Já ouviu falar sobre os famosos Waffles daquela região, entre Amsterdam e Bruxelas? Se sim, saiba que você ouviu falar deles porque realmente são divinos. Algumas casas são especializadas em Waffles. Eles esquentam e colocam aquela generosa cobertura de Nutella, pra fazer com que você se sinta no paraíso!

IMG_1010

Além dos Waffles, existe uma infinidade de doces nesse lugar. Outro que vale a pena destacar, são os sorvetes personalizados da Magnum Pleasure Store, que podem ser personalizados na hora, do jeito que você quiser. Viajar pra lá no calor pode não ser uma boa opção se você estiver de dieta =P

Captura de Tela 2015-09-22 às 22.36.48

Dentre as refeições, como disse, não existe nada muito típico. Mas isso não é um problema, já que a variedade de opções supre a falta de uma comida local. Dentre tudo o que comemos lá, um lugar nos chamou muita atenção: o Wok to Walk.

Wok to Walk é um restaurante especializado em comida de rua asiática. As opções de noodles (macarrão) são fantásticas e muito, mas muito gostosas! Os criadores do restaurante passaram algum tempo viajando pelo extremo oriente experimentando a gastronomia asiática. Quando voltaram para Amsterdam, não encontraram nada parecido com aquilo que tanto havia chamado a atenção deles. Desesperadamente resolveram montar um restaurante especializado nessa culinária.

Captura de Tela 2015-09-22 às 22.44.52

O Wok to Walk está espalhado por toda a Europa. Comemos também em Londres, numa experiência bem legal onde compramos as caixas pra viagem e fomos comer deitados na grama do St. James Parque. No entanto, a unidade de Amsterdam foi especial… foi nossa primeira refeição na cidade, e na primeira unidade de uma rede de restaurantes muito boa que tem expandido bastante nos últimos anos através de franquias.

Captura de Tela 2015-09-22 às 22.41.18

Prato que o Matheus comeu. Chega a dar para duas pessoas, mas ele estava com tanta fome que  comeu tudo e um pouco do meu kkkkk

Além de servir em pratos, pra quem come dentro do restaurante, eles também servem em caixinhas, para quem quer comer na rua, em pé, para viagem ou coisa do tipo.  É como se fosse aquela caixinha que o seu yakissoba vem quando você pede um China in box, sabe?

Do lado do Wok to Walk, tem uma lanchonete chamada FEBO, que é super conhecida por lá. Eu achei super engraçado o modo que você pega a comida, já que os lanches (doce, salgado, desde churros, hamburguer à croquete) ficam expostos dentro de uma caixinha, e é tudo bem baratinho, em sua maioria 1 euro ♥  

Captura de Tela 2015-09-22 às 22.55.44

Onde se hospedar?

Para fugir da rotina de ficar em um hotel, eu acho super válido apostar em alugar um apartamento pelo  www.airbnb.com.  Parece que você fica mais próximo da realidade da cidade e das pessoas que moram lá. (Pra quem não conhece, o Airbnb é uma plataforma que aluga apartamentos e casas em várias cidades do mundo (como já explicamos aqui no primeiro post de Amsterdam).)
O apartamento que alugamos era lindo demais, sinceramente, eu moraria lá pra sempre *-* É tudo bem arrumadinho, bem decorado e SUPER bem localizado, na rua Prinsengracht. (Uma rua super famosa)

IMG_1003Captura de Tela 2015-09-22 às 23.02.43 Captura de Tela 2015-09-22 às 23.02.29
Uma curiosidade dos apartamentos é que antigamente, as casas eram taxadas de acordo com o seu tamanho, (quanto maior a casa, maior o valor a pagar), sendo assim, a maioria dos prédios são estreitas.
Percebemos isso logo que chegamos no nosso apartamento, escadas são bem apertadinhas e difíceis de subir, ainda mais que o nosso apartamento ficava no ultimo andar.
Isso já explica os ganchos que ficam em cima dos edifícios, eles eram e continuam sendo usados para içar os móveis até as janelas, já que é praticamente impossível transportá-los por dentro dos apartamentos.

IMG_1091

Onde comprar os passeios turísticos?

Ficamos bem pertinho de uma agencia de turismo, “Tour & Tickets” que vendia pacotes dos pontos turísticos de Amsterdam, além de pacotes de visitas a outras cidades próximas, tours de barco, parques aquáticos entre outros passeios..

Captura de Tela 2015-09-22 às 22.41.27
Pela foto, da para ver que eles possuem um preço OK e comprando um combinado, os valores podem ter um desconto. 😛

De todos esses, escolhemos apenas dois por falta de tempo.. Já que ficamos só 3 dias em Amsterdam.
Fomos na Heineken Experience e no Ice Bar.

  • Heineken Experience

IMG_1299

A fábrica da Heiniken é incrível, você acompanha todo o processo da cerveja, desde a escolha do grão, às as técnicas utilizadas no preparo, a evolução da marca, enfim..  Achei muito interessante ver tudo isso de perto, por mais que eu não goste nem um pouco de cerveja kkkkk. O tour é bem interativo e cada pessoa ganha 2 copos de cerveja no decorrer do passeio. Para quem curte Heineken é um prato cheio, ou copo cheio, sei lá hahaha.

  • O IceBar

IMG_0974Para chegarmos até o IceBar eu quase morri.  (risos eternos hahaha) Resolvermos ir de bicicleta e como eu não tenho muita habilidade, digamos que eu quase fui atropelada algumas vezes. MAS OK, estou viva! 

A experiência de ficar em um ambiente todo de gelo à -10ºC, bebendo cerveja trincando, tentando tirar fotos com o celular (sem a luva), e falando inglês com os gringos, é uma situação engraçada hahaha.

IMG_0959
Com o ingresso que compramos, tínhamos direito a um drink cada um, na parte de fora do bar, e 3 copos de Heineken à -10ºC lá dentro do bar de gelo.

  • Além desses dois passeios, também fizemos o Big Tour de barco, saindo do canal em frente à estação central de Amsterdam.

IMG_1061


IMG_1091

  • Toda cidade tem coisas super interessantes mas que estao fora do circuito turístico. Muitas das vezes são programas até mesmo melhores do que os populares que constam no roteiro turístico tradicional. E esse lugar que vou falar pra vocês agora é um deles.
    Em nosso ultimo dia, fizemos o checkout pela manha. O dono do apartamento nos disse que poderíamos deixar nossas malas na estação central de trem da cidade.
    Quando deu nossa hora, entregamos as chaves e ficamos enrolando um pouco no apartamento. Nesse tempo, um holandês responsável pela limpeza do local chegou, e antes de sairmos ficamos uns 15 minutos conversando. Quando nos perguntou o que iríamos fazer em nosso ultimo dia pela cidade, falamos que iríamos ao Heineken Experience. A cara que ele fez não foi das melhores. Para a nossa supresa, muitos dos próprios holandeses não gostam da cerveja de sua cervejeira local. Mas também, não é a toa. O país é cercado de ótimas opções, dentre elas as belgas. hmmmm, as belgas…
    De qualquer forma, falamos que iríamos, até porque já tinhamos comprado os ingressos, e uns amigos aqui do Brasil recomendaram o passeio. No entanto, o Matheus pediu uma sugestão de um desses lugares que eu falei, que vale a pena conhecer.
    Ele nos indicou um bar/cervejaria muito legal, com um ambiente, atendimento e produtos ótimos! super recomendamos esse lugar. Essa cervejaria chama-se Browerij.t e fica cerca de 7 minutos para frente do ponto do Heineken Experience indo de Tram.
    Se vocês estiverem pensando em ir conhecer Amsterdam um dia, coloquem esse lugar no seu roteiro. Essa é a Amandica de um casal que não gosta muito de cerveja. Ou seja, lá é tao bom, que conseguiu fazer com fizéssemos essa indicação!


    Captura de Tela 2015-09-22 às 23.45.51IMG_1273
    Pedimos dois tipos de cerveja para provar e depois uma limonada para adoçar um pouco a boca hahaha.

Os Museus

Os museus como Museu Nacional (Rijksmuseum),  Museu de Van Goghe Casa de Anne Frank, tem bilheteria, então você pode comprar na hora, mas dependendo da época que você for, vale muito mais a pena comprar pela internet, porque a fila é bem menor.

Amsterdam tem parques?

Tem, o Vondelpark é um dos parques mais bonitos que fomos na viagem, bem grande, com estacionamento de bicicletas, lagos, coretos, muitas flores, pessoas fazendo caminhada, tomando sol, correndo, fazendo yoga e pessoas gordinhas, como nós fazendo picnic hahaha

IMG_0816

Estava tendo um encontrinho de blogueiras bem em frente ao coreto hahah achei fofo.

IMG_0821

Compramos todas as comidinhas em padarias e mercados lá por perto.

Tem muita maconha em Amsterdam?

Tem minha gente, tem maconha para dar e vender! Tem no mercado em forma de bolinho, de cookies, na cerveja, no energético, tem na loja de souvenirs para decoração, tem nos coffe shops em seu formato mais “tradicional” com uma variedade enorme, enfim..  Como sabemos, lá é liberado, então não se assuste e nem fique chocado, cada um  na sua realidade, cada um no seu quadrado e fim de papo! Hahaha

9-768x1024

E o Red Light District?

O famoso Red Light District, conhecido pelas cabines vermelhas onde as garotas de programa se amostram e ficam a espera de clientes é um ponto turistico bem frequentado de Amsterdam, acho que todo mundo que vai visitar a cidade deveria ir conhecer, pelo simples fato de ser da cultura do local.

Captura de Tela 2015-09-22 às 23.37.55
Nessa rua você não encontra só as cabines, sexy shops e casas de show, você encontra restaurantes, pubs, e museus.. Sim, os museus do sexo! hahaha Bizarro, mas ok.. Como eu disse, cada um no seu quadrado.
Ah, e não se esqueça que tirar fotos das meninas é proibido! Elas dão o maior show e podem vir pra cima de você.. Presenciamos cenas desse tipo kkkk

Bom, Amsterdam é uma cidade crazy (acho que deu para perceber) e maravilhosa! Os canais, a relação do dos transportes motorizados com a bicicleta e o pedestre, a arquitetura, a história… Tudo isso faz dessa cidade, única!
Enfim, espero ter conseguido passar um pouco do que sentimos e vivenciamos nessa cidade.
E logo menos, tem vídeo da nossa chegada em Amsterdam hihi 😛

  

  

 

 

Post Anterior Próximo Post

PODE SER QUE GOSTE TAMBÉM

3 Comentários

  • Reply Bia Bim setembro 23, 2015 at 7:46 pm

    Que post incrível!
    Sonho muito em ir para Amsterdam!
    Acho a cultura de lá muito legal, e acho que fica mais legal ainda ver um lugar com tantas coisas “proibidas” na maior parte do mundo serem legalizadas lá e ver que tudo continua caminhando perfeitamente bem; com respeito e organização.
    E que loft lindooo é esse? Fiquei apaixonada desde que vi as primeiras fotos!
    O post me deu mais vontade ainda de conhecer lá! Adorei tudo, principalmente o Ice Bar, e claro, os cookies, haha!

    Beijos <3

  • Reply Bia Bim setembro 23, 2015 at 7:48 pm

    Que post incrível!
    Sonho muito em ir para Amsterdam!
    Acho a cultura de lá muito legal, e acho que fica mais legal ainda ver um lugar com tantas coisas “proibidas” na maior parte do mundo serem legalizadas lá e ver que tudo continua caminhando perfeitamente bem; com respeito e organização.
    E que loft lindooo é esse? Fiquei apaixonada desde que vi as primeiras fotos!
    O post me deu mais vontade ainda de conhecer lá! Adorei tudo, principalmente o Ice Bar, e claro, os cookies, haha!

    Beijos

    • Reply Amanda Fernandes setembro 23, 2015 at 10:32 pm

      Que bom que você gostou bia! *-*
      Amsterdam é uma cidade incrível mesmo, tudo funciona, fiquei encantada com a forma que a cidade lida com a diversidade, é top!
      O loft nem me fala hahaha moraria lá pra sempre! *-*

    Comentários